Dia de Proteção às Florestas: 4 dicas para fazer sua parte 

Hoje, 17 de julho, é celebrado o Dia de Proteção às Florestas. Nós da Jaci queremos aproveitar a data para levar mais informações sobre o assunto e convidamos você a refletir sobre seu papel em prol da preservação ambiental. A data de hoje existe para lembrar a importância de preservar este lindo ecossistema. 

A proteção das florestas é de suma importância para sobrevivência humana, desempenhando diversas funções no meio ambiente. Elas são verdadeiros santuários: diversas espécies de fauna e flora vivem nela em perfeita harmonia.  

Você sabia que o Dia de Proteção às Florestas foi inspirado em um personagem do folclore brasileiro? Curupira, uma figura de cabelos vermelhos, conhecida por proteger as florestas, castiga todos os que desrespeitam a natureza. 

Aliás, quando falamos em florestas, não tem como não lembrarmos da Floresta Amazônica, a maior floresta tropical do mundo. Ela concentra uma biodiversidade enorme e corresponde a 53% das florestas tropicais ainda existentes. Porém, uma pesquisa feita pelo Banco Mundial diz que, se o atual patamar de mudanças climáticas e incêndios for mantido, cerca de 75% da floresta amazônica estará perdida até 2025. 

Por isso, fazer nossa parte para proteger nossas florestas e matas é um assunto urgente. Neste artigo, você irá ver as dicas que separamos para que você possa contribuir com a preservação ambiental e com o futuro do nosso planeta. 

Continue lendo e veja nossas dicas! 

Respirando ar puro na natureza. 

Por que proteger as florestas? 

As florestas são de grande importância para controlar a velocidade das mudanças climáticas. Como é da floresta que vem parte da umidade que gera melhor qualidade de vida para os seres vivos, toda área florestal está relacionada com a manutenção da concentração de CO2 e com o regime de chuvas.

Uma das principais funções das florestas é filtrar o ar, deixando-o mais puro e limpo para a nossa respiração. Isso ainda auxilia na diminuição dos gases que causam o efeito estufa, fenômeno provocado pela concentração de gases na atmosfera, que formam uma camada que permite a passagem dos raios solares e a absorção de calor. 

O problema é que, nos últimos anos, a liberação de gases de efeito estufa aumentou significativamente devido a atividades humanas. Dessa forma, uma maior quantidade de calor está sendo contida na atmosfera, ocasionando no aumento de temperatura. Isso dá origem ao aquecimento global. Estima-se que, atualmente, o mundo está aquecendo mais rápido do que em qualquer outro momento registrado da história. 

As florestas cobrem, em média, 30% da Terra e realizam a fotossíntese da qual necessita a vida: produção de oxigênio a partir do dióxido de carbono. Para a sociedade, a importância da floresta vai além disso; ela possui um papel a nível ecológico, econômico e social. São as florestas que fornecem madeiras, alimentos, combustíveis, matérias-primas para a indústria, frutos, entre outros. 

Confira os principais benefícios das florestas para o ecossistema: 

– Fundamentais na manutenção da biodiversidade. 

– Importância na cobertura do solo contra a erosão. 

– Distribuição de matéria orgânica para o solo. 

– Redução do efeito estufa, através do consumo de CO2 na fotossíntese. 

– Reciclagem de nutrientes. 

– Alimentação para aves e animais silvestres. 

– Suprimento de matéria-prima para indústria química, como a celulose, e indústria de cosméticos, como óleos essenciais. 

Como você viu, proteger as florestas é mais que um dever do ser humano, é um bem a ele mesmo. 

4 dicas para fazer sua parte na proteção às florestas 

Agora que você já viu por que é tão importante colaborar para a preservação das nossas florestas, confira dicas que, embora relativamente simples de serem seguidas, podem fazer uma grande diferença se colocadas em prática: 

– Plante árvores 

Plantar árvores é uma das atitudes mais simples e benéficas para auxiliar na reversão dos impactos ambientais já causados pelo homem na natureza. Com um investimento muito pequeno, o plantio de árvores protege o solo, melhora a qualidade do ar, traz mais conforto térmico, alimenta a fauna, reduz a velocidade dos ventos, a poluição sonora e visual, entre tantos outros benefícios. 

Para plantar, escolha um local apropriado, que possibilite seu crescimento. Certifique-se de verificar se o local em questão oferece segurança ao entorno, considerando o porte que a planta pode atingir. Consulte a Prefeitura da sua cidade caso pense em plantar árvores em áreas públicas. 

Após o plantio, lembre-se de molhar a muda periodicamente para manter o solo úmido, mas sem excessos. É importante fazer podas depois de um tempo para uma boa formação da copa, que é a parte estrutural da árvore que contém e dá sustentação às folhas. 

Compre produtos de madeira certificada 

Quando estiver buscando um móvel para sua casa, por exemplo, reflita sobre a real necessidade da compra e, se você tiver certeza sobre sua decisão, procure saber mais sobre a origem do produto. Pesquise se a sua fonte é legal e sustentável e dê preferência para a compra de itens fabricados com madeira de reflorestamento, normalmente identificada com um selo ou certificado.  

A madeira de reflorestamento é um tipo de madeira plantada para ser usada na fabricação de móveis ou na construção civil, no lugar de madeiras maciças protegidas por lei. A ideia de usar madeira de reflorestamento surgiu em virtude da necessidade de preservar árvores já muito devastadas da floresta amazônica. Geralmente, seu crescimento é mais rápido e seu valor é mais acessível se comparadas às madeiras maciças. 

Algumas madeiras de reflorestamento são ótimas para a fabricação de móveis de madeira de reflorestamento. Entre as mais comuns, podemos citar o eucalipto, a pinus, a araucária e a grevílea. 

Não jogue lixo em locais inadequados 

Lugar de lixo é mesmo no lixo. Por isso, não jogue lixo no chão. Ao invés disso, carregue-o consigo até a lixeira mais próxima. 

Além disso, separar o lixo reciclável é fundamental para diminuir a quantidade de lixo nas grandes cidades. Crie o costume de separar o lixo em casa e no trabalho, e descubra se há coleta seletiva na sua região. Se não houver, descubra pontos de coleta próximos a sua casa. O descarte correto dos resíduos e a reciclagem favorecem a preservação das florestas, pois reduz a extração dos recursos naturais, além de reduzir também a poluição do solo, da água e do ar.

Como vantagens da coleta seletiva e descarte correto dos resíduos, podemos ressaltar a diminuição da poluição, economia no consumo de energia e água e diminuição dos gastos com a limpeza urbana. 

– Reduza seu consumo de carne bovina 

Você sabia que, ao diminuir o consumo de carne bovina, os impactos relativos à sua produção também são reduzidos? Para a criação de novos pastos, ocorre o desmatamento de áreas florestais. 

Experimente substituir a carne bovina por peixe, frango ou fontes de proteína vegetal, como arroz integral, feijão, lentilha, grão-de-bico, quinoa, entre outros. As leguminosas são excelentes fontes de proteína e podem, por isso, ser usadas em uma dieta equilibrada para manter o bom funcionamento do organismo. Elas também são essenciais na base de uma alimentação vegetariana ou vegana. 

Trocar a proteína animal pela vegetal é mais fácil do que parece. Em geral, basta trocar 100g de carne por uma concha de leguminosas, por exemplo. Porém, consulte seu nutricionista para saber qual o cardápio ideal no seu caso.

Compartilhe essas informações com as pessoas que você conhece, como sua família, amigos e até mesmo crianças. É muito importante que nossos pequenos aprendam, desde novos, sobre a importância de cuidarmos bem das florestas e do meio ambiente em que todos nós vivemos. 

E aí? Quantas dessas dicas você já segue em seu dia a dia? 

Avatar of Luiza Monteiro
Engenheira Química pela UFSCar. Trabalhou na área de logística na Ambev, qualidade da Casale Equipamentos e atuou como consultora da EY. Iniciou estudos de Cosmetologia e Fitoterapia no Instituto Holistico Maya, em Playa del Carmen e é formada em Fitoterapia pela Humaniversidade. Fex o Curso de Formulação Orgânica e Natural para Cabelos pela Formula Botanica (UK) e hoje cursa Formulação Orgânica e Natural para Peles na mesma escola.
Post criado 35

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo